Marlon Brando

Bom, nesses últimos dias eu estive meio à parte do mundo todo. Aí, quando fui me informar sobre os acontecimentos… Descobri que morreu o Marlon Brando.

Oh, boy.

***

Sobre a festa junina ontem… Nossa, eu estava quebrada. E foi um dia meio bizarro, enquanto eu cortava cebolas no CAL apareceu um sujeito querendo depoimento meu para um documentário sobre “Por que continuar o movimento estudantil?”

Isso sem contar a figura que foi usar a pia do CAL para escovar os dentes, por exemplo. Eu e a Jô trampamos horrores, inclusive na barraquinha de cachorro quente, mas nós duas concluímos uma coisa: valeu a pena.

Manja aquela coisa de conversar com pessoas que sempre vemos na cantina, mas nunca tínhamos falado antes? Isso tanto do nosso curso quando dos outros.

Foi uma coisa geral, todos envolvidos na festa. E ficou muito legal! Lógico, eu adoraria participar da festa como convidada (o lance ficou cheio, até o professor Júlio estava lá). Mas, como parte da organização também foi bacana bagarai.

Cheguei morta de cansaço em casa e daqui a pouco estou indo lá para a Reitoria para limpar a caca que ficou o CAL. Mas como disse: valeu a pena *mesmo*.

(E Alex, eu te perdôo já que você foi no China abrir as latinhas )

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.