Os melhores filmes de 2020

Mais de uma vez em 2020 eu pensei: “Putz, que saudades de ir ao cinema.”. E tenho saudades mesmo. Mas dia desses me dei conta que não é mais um dos problemas gerados pelo covid: o cinema do qual sinto falta não existe há anos, pelo menos aqui em Curitiba.

Se você quer qualquer coisa fora do universo cinemático da Marvel (e sem reclamações, eu gosto dos filmes da Marvel, mas também gosto de outros filmes), já precisa se contentar com poucas salas e poucas opções de horário. Aí tem o problema do número de salas com áudio original. E quando as estrelas se alinham e você finalmente consegue uma sala no horário que poderia ir, com áudio original (e sem 3D), ainda tem que lidar com os malas que foram ao cinema para, sei lá, ficar olhando para a tela do celular. Enfim. Eu poderia botar essa na conta do covid, mas não vou.

Também não vou fazer o jogo do contente porque não tem lado bom para uma pandemia que nesse momento se aproxima da casa dos 200.000 mortos só aqui no Brasil. Mas observando as coisas como são (ou ainda, como foram), chamou minha atenção que o número menor de lançamentos nos cinemas acabou com um certo tipo de angústia de estar em dia, aquela coisa de “tenho que ver o que é essa coisa que tá todo mundo comentando”. É uma angústia besta, mas se você também deu uma respirada aliviada porque não teve que ver tooooodos os filmes, deve entender do que estou falando. E aí sobra mais tempo para outras coisas, para ver aqueles que há tempos queria, mas nunca tinha assistido – e alguns foram tão legais que dá até vontade de fazer uma lista fora das regras das listas aqui.

Revi Entrevista com o Vampiro, Da Magia a Sedução (melhor filme de bruxa) e Monty Python em Busca do Cálice Sagrado, finalmente vi Perfect Blue, A Época da Inocência, The Philadelphia Story, O Serviço de Entregas da Kiki (a coisa mais fofa e mais feel good que assisti nesse ano lazarento), Paris When it Sizzles, Dente Canino. Deu para ver uma penca de comédia romântica, incluindo uns com a Sandra Bullock do começo do século que eu acabei perdendo. Assisti dois Guy Ritchies no mesmo ano, caraca. Enfim, a última vez que vi tanto filme eu ainda não tinha filhos, não trabalhava e morava com minha mãe.

E dos mais recentes, não faltou coisa nova para ver, só faltou os mega-super-filmes-do-ano, que resolveram segurar para ver qual é. Eu ainda estou curiosíssima sobre Promising Young Woman e The Green Knight. O primeiro parece que saiu da gaveta lá fora (andou ganhando um monte de prêmios), o segundo continua engavetado, de repente em 2021 ele aparece. Nem que seja direto em serviços de streaming, como aconteceu agora no fim do ano com o Wonder Woman 1984.

Então é isso. Só para referência, ficam as listas dos outros anos: 2004| 2005| 2006| 2007| 2008| 2009| 2010| 2013| 2014| 2015| 2016| 2017| 2018| 2019| Fechando naquelas regras de sempre, lançamento nacional (streaming, cinemas, etc.) e qualquer outra chunchada aleatória para servir na lista, o top10 do ano na minha opinião ficou assim:

Continue lendo “Os melhores filmes de 2020”

Os melhores filmes de 2019

Uou. Já são 15 anos fazendo a lista de melhores filmes aqui no blog. Falhei em 2011 e 2012 porque ainda estava me adaptando à maternidade, mas fora isso, desde 2004 volto sempre aqui para contar quais foram meus dez filmes favoritos do ano que passou.

Em 15 anos até o modo como acompanhava cinema mudou. A minha lista de 2004 e 2005 tem muitos filmes que… ALUGUEI EM UMA LOCADORA. Em 2004, minhas principais fontes de informação ainda eram a revista SET (sim, de papel) e o site Cinema em Cena. Mas já estava começando a seguir recomendação dos amigos lá do Fórum Valinor (a mania das listas começou lá, diga-se de passagem).

Dois anos antes lembro que tinha saído o segundo filme da trilogia nova de Star Wars (agora já não mais nova), e o Uglúk mandou link para baixar pelo emule (!!!!!) um spot de tv do Yoda lutando contra o Dooku, que simplesmente não estava acessível para os brasileiros ainda. Agora com A Ascensão de Skywalker a Disney não deu um espirro sem que todas as redes sociais no mundo inteiro fossem atualizadas. Continue lendo “Os melhores filmes de 2019”

Os melhores filmes de 2018

Quase final de janeiro, Globo de Ouro já passou, amanhã saem os indicados do Oscar e eu nem tchuns para minha lista dos melhores de 2018. Vá lá, a verdade é que vi pouca coisa no ano que passou. Um misto de preguiça e muita coisa para ler para as aulas (e o número absurdo de série nova que tem saído, tá loco). De qualquer forma, só para não ficar sem o registro, vou deixar minha listinha.

Aquela coisa de sempre, vale lançamentos no Brasil, com a chunchadinha básica do “lançamentos em festivais”. Sinais do tempo, coisa que nunca explicitei mas acho que vale a pena deixar claro: valem filmes lançados direto no catálogo nacional de serviços de streaming como a Netflix.

As listas dos outros anos estão aqui:

2004 | 2005|2006 | 2007 | 2008 | 2009 | 2010 | 2013 | 2014 | 2015 2016 | 2017

Continue lendo “Os melhores filmes de 2018”

Os melhores filmes de 2017

Um pouco atrasada, mas lá vai a lista dos melhores filmes deste ano. Para quem chegou agora: vale apenas filmes lançados no Brasil entre janeiro e dezembro de 2017 (eu tenho burlado o critério com uns “lançados em festivais no Brasil” para filmes que gostei demais e inexplicavelmente ainda não apareceram por aqui).  Listas dos anos anteriores:

2004 | 2005|2006 | 2007 | 2008 | 2009 | 2010 | 2013 | 2014 | 2015 | 2016

Continue lendo “Os melhores filmes de 2017”

Os melhores filmes de 2016

Eu tenho ficado meio preguiçosa sobre o blog, confesso. Tanto que quase nem publiquei a listinha de melhores filmes de 2016. Talvez depois de 12 anos fazendo a lista eu devesse simplesmente publicá-la e parar com as desculpas? Ok, tentarei para a de 2017.

Para quem chegou agora: vale apenas filmes lançados no Brasil entre janeiro e dezembro de 2016 (eu tenho burlado o critério com uns “lançados em festivais no Brasil” para filmes que gostei demais e inexplicavelmente ainda não apareceram por aqui).  Listas dos anos anteriores: 2004 | 2005 |2006 | 2007 | 2008 | 2009 | 2010 | 2013 | 2014 | 2015.

Continue lendo “Os melhores filmes de 2016”

Os melhores filmes de 2015

tumblr_inline_nxpjqidk2Q1tcrqfn_500

Opa que quase vira o ano e eu não publico minha lista de filmes favoritos do ano! Explicando para quem chegou agora: eu, uma criatura de hábitos, faço uma lista dos melhores filmes que vi no ano que passou. Sim, subjetiva, com critérios doidos e aquela coisa toda que vocês já viram na lista de melhores leituras desse ano.

De qualquer forma, nunca é demais lembrar: o top10 só inclui filmes lançados no Brasil em 2015, alguns só em festivais. No final do post tem a continuação da lista só para que fique claro o contexto, assim: “Nossa, top10 dela não tem Mad Max?“, aí você vê o resto da lista e descobre que bem, eu não vi Mad Max (ainda).

Ah, sim. Só para manter o registro, as listas dos anos anteriores estão aqui: 2004 | 2005 |2006 | 2007 | 2008 | 2009 | 2010 | 2013 | 2014.

Continue lendo “Os melhores filmes de 2015”

Os melhores filmes de 2014

Opa, caaaalma aí que o ano não pode acabar sem este post. Sei que fiquei devendo muito post aqui (Boyhood! Snowpiercer! The Obvious Child!), mas vá lá, com sorte em 2015 eu melhoro o ritmo de postagens. Explicando para quem chegou agora: há 10 anos eu faço um top10 com filmes que estrearam no Brasil (ou seja, filmes de outros anos ficam de fora). Este ano estou incluindo lançamentos de 2014 que não necessariamente chegaram por aqui (alguns só em festivais), vocês saberão quais são porque eles ainda não têm título em português. Ah, sim. Nunca é demais lembrar que é uma lista pessoal e yadda yadda yadda.

As listas dos anos anteriores você pode encontrar aqui: 2004 | 2005 | 2006 | 2007 | 2008 | 2009 | 2010 | 2013.

1. Boyhood: Linklater ainda tentando achar um jeito de conquistar o Tempo. Queria ter feito um post só dele, fica para outra hora (outro ano, outro dia).
1

Continue lendo “Os melhores filmes de 2014”

Melhores filmes de 2010

A verdade é que este ano estou fazendo a lista apenas para manter a tradição. Desde a semana do nascimento do Arthur eu não assisti mais nadica de nada, e a lista de melhores de 2010 ficou bem chinfrim e, o que é pior, o melhor filme que eu assisti este ano não entra nela porque minha lista tem lá as firulas de que só valem filmes que foram lançados em território nacional.

De qualquer modo, seguem aí os links para as listas dos outros anos – eu faço isto desde 2004, então acho que dá para entender porque estou querendo manter a tradição mesmo com poucos filmes, hehe. Tem listas de 2004, 2005, 2006, 2007, 2008 e 2009. O favorito ainda é 2004, vamos ver se de repente 2011 me surpreende, né? Vai a lista 2010 aí então:

Continue lendo “Melhores filmes de 2010”

Os melhores filmes de 2009

Resolvi fechar minha lista de filmes desse ano um pouco antes, primeiro porque as semanas seguintes eu não poderei garantir que estarei online (sabe como é) e segundo porque o único lançamento desse ano que ainda quero ver é Avatar, e eu ainda acho que não vou gostar. O que me deixou surpresa esse ano não foram bem os filmes em si, mas bem, o fato de que essa é meu 6º top10 de filmes.  Se tivesse feito em dezembro de 2003, seriam 7. Hellfire já tem chão, ahn?

Para quem ficou curioso, aqui você pode conferir as listas de 2004, 2005, 2006, 2007 e 2008. E para 2009 o que temos (e espero que nem precise lembrar que é uma lista pessoal, então é bem previsível que você discordará do que verá aqui) começando do 10º até o primeiro lugar é o seguinte:

Os que ficaram de fora:

11. Arrasta-me para o Inferno
12. O Curioso Caso de Benjamin Button
13. O Lutador
14. Quem quer ser um milionário?
15. A Verdade Nua e Crua
16. Paris
17. Frost/Nixon
18. Evocando Espíritos
19. Coraline e o Mundo Secreto
20. Ele não está tão a fim de você
21. Lua Nova
22. Livro de Sangue
23. Matadores de Vampiras Lésbicas
24. The Spirit
25. Atividade Paranormal
26. A Órfã
27. 17 Outra Vez
28. Nick e Norah – Uma Noite de Amor e Música
29. Dia dos Namorados Macabro
30. Marido por Acaso
31. Noivas em Guerra
32. Sexta-feira 13
33. Presságio
34. Garota Infernal
35. Anjos da Noite – A Rebelião
36. Alma Perdida
37. Pagando bem que mal tem?

Os melhores filmes de 2008

Verdade seja dita, quase não assisti filme esse ano – pelo menos se for comparar com os anos anteriores. Estou fechando o ano sem ter visto alguns bastante óbvios, tipo Wall.E e Indiana Jones. Mas sabe como é,  eu ainda assim preciso fazer minha listinha básica de fim de ano senão não sou eu. E aqui já vai junto uma boa resolução para 2009: assistir mais filmes.

Só para constar, aqui estão as listas dos anos anteriores: 2004, 2005, 2006 e 2007 (o meu favorito ainda é o de 2004). E agora vamos ao top10 desse ano, né. Começando da décima colocação temos…

Continue lendo “Os melhores filmes de 2008”