Supernatural (Primeira Temporada)

supernaturalUma amiga minha comentava que não entendia aqueles locutores de jogos de futebol que ao narrar uma partida que já tinha acontecido e cujo resultado eles já sabiam, faziam todo um estardalhaço na hora do gol. No final das contas eu estou me sentindo um pouco como um desses locutores ao vir falar aqui da primeira temporada de Supernatural, série que começou a passar lá fora em 2005 e esse ano chega a quinta (e provavelmente última) temporada. Todos que acompanharam os primeiros episódios devem ter pensando o mesmo “WTF, QUE SEASON FINALE É ESSE?”, mas aí eles conversaram juntos sobre isso, ficaram procurando spoilers durante o intervalo para a segunda temporada, etc. etc. etc.

Mas hey, pelo menos estou vendo agora né? Com sorte acabo a tempo de acompanhar o quinto ano  (primeiro episódio previsto para 10 de setembro). Antes de começar a falar sobre a primeira temporada, vamos para o essencial que deve ser dito: é uma série de terror/aventura. Se essa não é sua praia, é meio óbvio que você não vai gostar. Pronto, agora vamos para o primeiro ano.

A série abre com Sam recebendo a visita do irmão mais velho, Dean. Ele conta que o pai sumiu durante uma caçada, e pede que o ajude a encontrá-lo a partir de “pistas” deixadas pelo pai. Os primeiros episódios são mais ou menos baseados nessa ideia da busca por John Winchester (na realidade, até o nono), com os irmãos sempre investigando algum caso sobrenatural.  Depois, o foco de certo modo passa a ser os eventos da noite em que a mãe deles foi assassinada por um demônio.

Alguns episódios desse primeiro ano foram realmente muito bons. Destaco aí Hookman, Asylum, Scarecrow e Provenance. A dinâmica das histórias não é muito diferente, eles descobrem um novo caso, passam a investigar, consultam as anotações do pai, algo dá errado, Sam dá xilique, Dean faz piadas engraçadas e quase morre e por aí vai. De qualquer modo a fórmula funciona – e a química entre os atores que interpretam os irmãos é muito boa, embora eu ainda ache que uma parte ruim da série é quando eles entram na melação de irmão mais velho/irmão mais novo.

Por outro lado um ponto MUITO alto é a trilha sonora. Em séries de tv normalmente capricham nesse ponto, colocando músicas bacaninhas que todo mundo que ouvir depois (eu confesso que Teardrop eu só escuto por causa de House, hehe). Para ter uma ideia do que estou falando, segue aqui uma tracklist que um sujeito fez com músicas que tocaram na primeira temporada (cortesia do Ramalokion lá no Meia Palavra):

Disc 1:
01 Ramblin’ Man – The Allman Brothers
02 Back in Black – AC/DC
03 Highway to Hell – AC/DC
04 Hot Blooded – Foreigner
05 Down South Jukin’ – Lynyrd Skynyrd
06 Fly By Night – Rush
07 Round and Round – Ratt
08 Too Daze Gone – Billy Squier
09 Movin’ On – Bad Company
10 Paranoid – Black Sabbath
11 Working Man – Rush
12 Rock of Ages – Def Leppard
13 In-A-Gadda-Da-Vida – Iron Butterfly
14 Poison Whiskey – Lynyrd Skynyrd
15 All Right Now – Free
16 Bang Your Head – Quiet Riot
17 Peace of Mind – Boston
18 Rock You Like a Hurricane – Scorpions

Disc 2:
01 Hey You – Bachman-Turner Overdrive
02 Bad Company – Bad Company
03 Lodi – Creedence Clearwater Revival
04 (Don’t Fear) The Reaper – Blue Oyster Cult
05 Walk Away – Joe Walsh
06 Can’t Find My Way Home – Blind Faith
07 She Brings Me Love – Bad Company
08 Rocky Mountain Way – Joe Walsh
09 Fire of Uknown Origin – Blue Oyster Cult
10 Burning For You – Blue Oyster Cult
11 Rock Bottom – UFO
12 Road to Nowhere – Ozzy Osbourne
13 Bad Time – Grand Funk Railroad
14 The House is Rockin – Stevie Ray Vaughan and Double Trouble
15 Carry on Wayward Son – Kansas
16 Fight the Good Fight – Triumph
17 Turn to Stone – Joe Walsh
18 Bad Moon Rising – Creedence Clearwater Revival

Sério, muito boa a seleção. Pelo menos para essa moça rock n’ roll que vos escreve. E agora é ver a segunda temporada, que na minha opinião começou com um pouco de melação demais, mas boto fé que logo melhora. Em tempo: o Sam é um panaca e por mim a série poderia ser só o Dean e algum coadjuvante aleatório, hehe.

6 comentários em “Supernatural (Primeira Temporada)”

  1. Ouvi falar também que ia até a 6º temporada, assisti a primeira há muito tempo e não gostei, resisti e na minha opinião no final da 2º temporada a série melhora muito³. Hoje considero uma das melhores séries que assisto, só passa um pouco longe de bater House. x)

  2. Ei, Ana!!
    Pode ser muito relapso meu, mas nunca me perguntei do por que nunca ter visto nada de SPN por aqui, hehehe…
    Mas pode ir na boa, mesmo. A cada temporada só fica melhor… Só aviso que a história irmão mais velho/irmão mais novo só aumenta, tá? Mas é bom pracaramba!
    Alias, acho que esse negócio de acabar na quinta temporada é balela do Eric Kripke. Tem muita história para contar (e grana pra ganhar) para ele terminar com uma série que está no auge…mas tudo bem. Boatos sobre a sexta tem de monte.
    Vc já deve saber, caso contrário, fica a nota: se der tudo certo vamos ter convenção ano que vem em Sampa, e Jensen e Jared vão estar presentes, assim como Jim Beaver e Misha Collins.
    Enfim… A essas alturas tá mais do que na cara que sou fã, né?
    kkkkkkkkkkkkkkkk
    Tenha uma ótima viajem pelas temporadas. 39 dias para quinta se não estou enganada.
    bjks.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *