True Blood S02E03: Scratches

normal_true-blooddotnet_season2_032Sim, eu sei que estou meio lerda para compartilhar com vocês minhas opiniões sobre os episódios de True Blood. Mas sabe como é,  quando a falta de tempo soma-se com outras coisas para falar, dá nisso. De qualquer forma, vamos lá: aos poucos as coisas vão melhorando mesmo. Scratches não chegou a ser um daqueles episódios inesquecíveis, mas estava bem bom. Aquela coisa, não se arriscaram muito (inclusive com relação à adaptação) e aos poucos vão colocando as peças no tabuleiro.

Para começar, meu palpite estava certo e a Sookie foi atacada pela Menade. Algo que gostei bastante com relação à briga entre a Sookie e Bill (e que foi a razão para que ela ficasse sozinha no meio do mato) é que eles não discutiram relação pela enésima vez. Até porque convenhamos, se a cada episódio tivermos uma briga entre os dois, não vai dar para aguentar.

Jason continua ótimo, mesmo. Enquanto assistia às cenas dele ficava pensando que na temporada passada tinha ficado toda contrariada porque aumentaram o papel dele na série (com relação aos livros) e agora ele é uma das coisas mais interessantes no episódio. O conflito dele entre ser um odiador de vampiro e saber que bem, ele de certa forma causou a morte de um deles está sendo bem explorado.

Outros detalhes que podem render bons momentos na série: Lafayette, e o que Eric fará agora depois desse acordo com Sookie (vai deixá-lo em paz? Ou ainda: por que não o transformou em vampiro?) e também Daphne, a garçonete cute e estabanada que bem no final do episódio deixou à mostra cicatrizes de um ferimento idêntico ao de Sookie. Será que ela é o porquinho da MaryAnn? hehehe…

Por falar na MaryAnn, a orgia começou, o que pode render no futuro a tal da cena do Eric com lycra pink. Falando nele, primeiro diálogo com Sookie que começa a apontar o que vem pela frente:

Eric Northman: Maybe I’m growing on you.
Sookie Stackhouse: I prefer cancer!

Problema é: o Alexander Skarsgårdé hot, e muitas vezes ele parece dar conta do papel muito bem. Mas nesse diálogo eu acho que faltou um pouco mais do sarcasmo que a personagem no livro parece transmitir. Ficou muito mais na frieza, e eu acho que uma característica importante do Eric é meio que parecer levar as coisas como se fossem piada. Mas vamos ver como é que as coisas ficarão, até porque com a Sookie topando ir para Dallas, são no máximo mais dois episódios até que ele apareça como Leif. Leif Erikson. Já fez a conexão?

E para quem está curioso sobre o episódio 4, vai aí um preview:

2 comentários em “True Blood S02E03: Scratches”

  1. Ainda n comecei a ver a 2ª temporada, mas para mim um grande problema é q eu adoooro o Eric, torço para q ele fique c a Sookie (leio os livros), e acho o Bill muito sem graça (no livro ou série) :disgusting: .Vai ficar muito entediante se a serie n seguir os livros e deixar a Sookie “diversificar”. :ueba:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *