True Blood S02E01: Nothing But the Blood

true04(Post com spoilers, só leia se já viu o episódio ou se não liga para essa coisa de surpresa)

E eis que finalmente começa a segunda temporada de True Blood, com o episódio Nothing But the Blood. A grande verdade é que pouco aconteceu, o que fez com que eu lembrasse de uma questão: o livro já é meio esticado demais (alguns eventos duram por mais de dois volumes, por exemplo). E a adaptação acaba precisando esticar o que já é esticado e eis então que temos um episódio com pouca novidade, e alguns momentos até bem monótonos.

A história começa com a descoberta do defunto no estacionamento do Merlotte’s. Pela pele negra e a unha pintada de vermelho, todo mundo achava que seria o Lafayette. Bom, acho que aqui fica a primeira marca de adeus ao livro: Lafayette não morreu. No final das contas fico até feliz por isso, porque foi uma das melhores personagens da primeira temporada, senão a melhor.

Sookie finalmente descobre que Bill agora tem uma “filha” adolescente-vampira, as conversas dele com Jessica foram umas das melhores partes do episódio, diga-se de passagem (o Bill ensinando a menina a reciclar é impagável). Além disso, ela também descobre que Bill matou seu tio-avô, que deixou uma herança para Sookie. Também é desvendando o passado de Sam com Maryann e no final das contas o mistério principal por enquanto nem é por que Miss Jeanette foi assassinada, mas por que diabos Lafayette está naquele porão. Resumindo: nada demais.

Eu não sei se é porque estava contando os dias para a estreia da segunda temporada, mas a verdade é que achava que seria um pouco mais agitada. E o fato de ter pouco Eric não é muito animador. Blé, vamos ver se no segundo episódio as coisas começam a se agitar mais. Até porque se agora já está definido que a adaptação não pretende ser exatamente fiel, então que pulem logo para a diversão (aka: Eric!!) e larguem mão dos chororôs da Sookie para o Bill.

2 comentários em “True Blood S02E01: Nothing But the Blood”

  1. Pô, eu achei muito legal o episódio. Acho que foi porque eu estava com a S01 fresquinha, já que eu e a Dani assistimos toda de novo no feriado.

    Eu tenho uma teoria sobre o lance do Lafayette. Eu acho que aquela baita roda que eles ficam rodando é o mecanismo que faz o ventilador do Fangtasia (que no DVD nacional virou vamtasia) funcionar 😛

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *