Déjà vu

manara_desire.jpgSim, eu seeeeei que falei de Sandman ontem, mas acabei de fazer uma descoberta sobre um referência perdida em Noites Sem Fim, e eu fico toda animada com esse negócio de referências, especialmente quando me leva a conhecer coisas novas e tal. Então eu compartilho aqui com vocês.

Vamos lá. Sempre achei o título da história da Desejo meio estranho. “O que eu experimentei de desejo“… tinha algo ali que não encaixava bem. Então, terminando a leitura do livro Hiperespaço, dou de cara com os seguintes versos:

“Alguns dizem que o mundo vai acabar com fogo
Alguns dizem em gelo.
Pelo que experimentei de desejo
Fico com aqueles que preferem o fogo”

O autor é Robert Frost, e aí está só um pedacinho da poesia Fire and Ice, que agora parece piscar “explica o título da história” várias vezes. A relação entre o ódio e o desejo ficaram tão gritantes agora ao reler a história do Gaiman, que não tem como negar a relação. E puxa, gostei ainda mais.

Portanto, deixo aqui a poesia completa para quem quiser dar uma conferida:

poerty

Fire and Ice (Robert Frost)

Some say the world will end in fire,
Some say in ice.
From what I’ve tasted of desire
I hold with those who favor fire.
But if it had to perish twice,
I think I know enough of hate
To say that for destruction ice
Is also great
And would suffice.

4 comentários em “Déjà vu”

  1. Sandman é brilhante. Uma das coisas que mais me chama a atenção na série são justamente essas referências. Ainda não li “Noites Sem Fim”, tá na minha lista do Submarino para comprar. Li recentemente a edição de “Morte” que a Conrad lançou. É fantástico!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.