Pessoas deviam evaporar

pessoas deviam evaporar
quando quisessem
não deixar por aí
lembranças pedaços carcaças
gotas de sangue caveiras esqueletos
e esses apertos no coração
que não me deixam dormir

Paulo Leminski

***

(Editado) Ninguém reapareceu do passado, antes que alguém ache que coloquei isso com algum significado especial. Só achei bacana.

Amanhã é véspera de Natal, até o Alex e o Kado estão para vir passar com a gente. Em compensação, o ano novo continua uma incógnita. Eu decididamente não estava a fim de viajar, mas a idéia de ficar sozinha em Curitiba não me atrai at all.

Mas como diz a música… you can’t always get what you want.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.