No ano que passou…

O ano nem virou e pelo visto eu já estou cumprindo algumas resoluções. Hohoho… Preciso de novas. Penso depois da meia noite. Aliás, eu só vou pensar na minha vida depois da meia noite: se eu estipulo um horário eu pelo menos penso nela, hehe.

No final das contas é tipo casa em desordem, fica tudo tão virado que você não tem coragem de começar a faxina. Mas se vai aos poucos, acertando aqui e acolá… Ok, não é como casa em desordem. É sério, eu acho que depois que bati a cabeça eu fiquei um pouco pior do que o normal.
Continue lendo “No ano que passou…”

Confissão:

Confissão: a ressaca realmente estava me matando hoje e eu só ia encontrar o Frank por uma questão de honra (já que ele diz que eu sempre furo os encontros, hehe). Mas o café aqui em casa foi *tão* bacana que eu fico feliz por não ter simplesmente me enfiado embaixo do cobertor hoje.

Tudo bem que eu quase envenenei ele com cappuccino vencido, mas enfim, foi uma ótima tarde. As pessoas deveriam conversar mais. Faz tão bem

Tsunami

Desde muito pequena eu sempre tive um pesadelo que volta e meia se repetia, coisa que eventualmente ocorre até hoje em dia. Não é nada que crie algum tipo de fobia, mas é com certeza o meu pior pesadelo.

E qual não é minha surpresa ao ler na Folha o seguinte relato sobre o tsunami na Ásia:

“Eu estava de pé na praia quando notei que o nível do mar estava subindo, mas eu não fiquei preocupado porque pensei que era apenas uma maré alta estranha. Então eu ouvi um som assustador que eu jamais tinha ouvido antes. Foi um som crescente, seguido por um barulho ensurdecedor que parecia ficar cada mais alto. Eu gritei para alguém correr e comecei a fugir para a terra”, disse o pescador Chellappa.

É exatamente como descreveria meu pesadelo.

Os melhores filmes de 2004

Eu deveria ter aproveitado o clima natalino para assistir de novo Love Actually. Êta, filme fofinho!

Mas na realidade, como a tendência é de que eu não assista mais nenhum lamçamento de 2004, resolvi postar a minha lista do “So Far So What” aqui. É uma brincadeira lá do Fórum Valinor, que basicamente consiste em criar uma lista dos melhores filmes do ano. A minha ficou assim:
Continue lendo “Os melhores filmes de 2004”

Natal até agora…

– Um delicioso pudim de leite (modéstia à parte, hehe)
– Duas ligações não atendidas
– Uma calçada limpa (o que rendeu quase um tombo e um bom banho de Sol)
– Uma discussão com o Leandro
– Um delicioso manjar (modéstia à parte de novo, hehe)
– Cheiro de peru assando no aaaaaaaaaar!!!!!! o/
Continue lendo “Natal até agora…”