Ê ô ô vida de gaaaado

kobecerva.jpgLi na Veja desta semana uma reportagem sobre a criação de gado Wagyu aqui no Brasil, o qual dá origem para a tal da carne Kobe, tão cara e apreciada que fulaninho chega a pagar até 800 dólares para comer um bife desta carne que dizem ser mais macia e saborosa (nhamnham).

Se você também começou a calcular quanto dá em reais um bifinho de Kobe, calma que não acabou aí. Apesar do destino cruel que o espera, o bichinho wagyu leva uma vida de rei durante três anos: passa por sessões diárias de massagens, acupuntura, tem som ambiente e controle de temperatura na “casinha” .

O gado além dessa mordomia toda, chega a consumir 300 garrafas de cerveja por ano. É isso aí. Trezentas garrafas (você pode conferir ali na ilustração no topo do post). Resumindo a vida de um gado japonês, dá para dizer que ele seria o Jim Morrison da pecuária: vive pouco, mas curte um monte sempre muito loco.

Estou quase pensando em procurar fantasia de wagyu e passear por alguma fazenda aí. Vai que dou sorte e consigo massagem e cerveja de graça antes do abate? Muuuu.

Para quem tiver acesso à Veja online: Kobe, o “ouro vermelho”

5 comentários em “Ê ô ô vida de gaaaado”

  1. Trezentas por ano? Só? Menos que uma por dia para um bicho desse tamanho? Dispenso.
    Tome cuidado na hora que for se fantasiar para ser confundida da maneira correta e não te mandarem logo para o abate. rs…

  2. Omykron on 25 June, 2007 at 7:20 pm said:

    Essas vaquinhas tem uma vida melhor que a minha…

    melhor do que de muita gente, omy O_o

    Lukaz on 25 June, 2007 at 11:53 pm said:

    Será que os bois ficam chapados?

    E os preços (e pesos) desses bois são uma coisa absurda.

    Eu acho que por ser uma garrafa só e ele ter aquele tamanho todo não dê para ficar bebum. Mas que seria engraçado ver um boi bêbado, seria. :mrpurple:

    Strange Lepton on 26 June, 2007 at 12:47 am said:

    Trezentas por ano? Só? Menos que uma por dia para um bicho desse tamanho? Dispenso.
    Tome cuidado na hora que for se fantasiar para ser confundida da maneira correta e não te mandarem logo para o abate. rs…

    Verdade, eu não tinha pensado em termos gerais. Se bem que se levar em conta a cerveja em si, talvez desse até para pensar. Vai que ele é alimentado (?!) com Guinness :dente:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.