Sobre Capitu

Segundo Fábio Lucas, na introdução do livro Dom Casmurro lançado pela Editora Ática, “sob a forma de um memorial de acusação, temos que considerar o relatório como força re-construtiva do protagonista e fixadora da imagem dos demais figurantes”.

É ao narrar sua história que Bentinho, ao invés de justificar sua vida através de acusações contra Capitu, acaba por gerar a dúvida sobre se ela seria de fato culpada. Mais do que isso, ao evidenciar a tendência que Capitu tinha de dissimular, acaba criando em torno dela uma aura mística, um mistério que só é menor ao da sua traição.
Continue lendo “Sobre Capitu”

Anica por Gregório de Matos

Estou me divertindo com umas poesias do Gregório de Matos que eu encontrei. Olha só:

Não te posso ver, Anica,
por mais que Amor me desperte,
que tu és muito tirana,
e serás ingrata sempre.
Se foras compadecida,
não cessara de querer-te,
pois a beleza humanada
Continue lendo “Anica por Gregório de Matos”