Sexta-feira 13

jason.jpgEu tinha uma amiga que sofria do mal de todo cético exagerado: era completamente sem graça. Ela não se permitia aproveitar algumas bobagens que todos sabemos que não são reais, simplesmente porque não acreditava naquilo.

E toda sexta-feira 13 eu lembro dela porque quando eu, toda empolgada, queria fazer algo especial para o dia em questão, ela com um tom metade deboche e metade enfado dizia: Ah, Ana, é só mais um dia como outro qualquer.

Sim, só mais um dia como outro qualquer. Mas qual o problema de se permitir fazer dele um dia especial, mesmo que baseado em uma superstição? A “vida real” já tem tanta coisa chata e fria que não custa tomar emprestado um pouco de cor do imaginário e fazer com que a sexta-feira 13 não seja um dia qualquer.E não estou dizendo nem que é para ficar com medo de cruzar com gato preto no meio da rua, ou de passar embaixo de escada. Não, não. É só de aproveitar a tal da atmosfera ‘sinistra’ e fazer algo. Ver filmes de terror, por exemplo. Ou tomar uma rodada de Bloody Mary com os amigos, sei lá.

Eu gosto desses pequenos rituais que fazem de cada dia um dia diferente. E na realidade, estou pouco ligando para toda a crença que há por trás desses dias, até porque acho que pensar nisso é como ficar emburrada durante o Natal só porque não se acredita em Deus.

Enfim, vamos lá, ao top5…

COISAS BATUTAS PARA FAZER EM UMA SEXTA-FEIRA 13

1. FESTA A FANTASIA

A sexta-feira 13 tem uma vantagem sobre o Halloween: você sabe que cairá na sexta, então poucas pessoas terão desculpas para não comparecer. Aliás, 31 de outubro este ano cairá numa quarta, aquele dia bizarro em que você já está de saco cheio da semana mas sabe que está só na metade do caminho.

2. VER FILMES DE TERROR

Essa é óbvia, mas é boa. Para o pessoal menos baladeiro, chamar os amigos e cada um traz um filme favorito de horror, fazendo uma mega-sessão atravessando a madrugada. Já que está frio, vale um vinho para acompanhar – sexta-feiras 13 de épocas quentes só podem ser regadas com cerveja, é claro.

3. LER UM BOM LIVRO DE TERROR

Aqui já fica para os anti-sociais crônicos: pega o cobertorzinho, uma caneca de café e vai para a cama, ler algumas histórias de horror. O lado ruim é se você for medroso como eu, que após ler livros de terror muuuuuito assustadores não consigo dormir depois (ou pelo menos preciso deixar a tv ligada até altas horas para desbaratinar).

4. JOGAR NA MEGASENA

Reza a lenda que o número 13 é um dos mais sorteados, talvez na sexta-feira 13 acabe somando esse “Azar que nada!” e o resultado seja ainda melhor. Eu não tenho acompanhado, mas parece que está na casa dos dois milhões. Hum, tanta coisa para fazer com dois milhões…

5. ESTRAGAR A SEXTA-FEIRA 13 DE ALGUÉM

Caso tenha se identificado com minha amiga, não se force a se divertir, oras bolas. Quando aparecer o primeiro bocó na sua frente comentando que uau, é sexta-feira 13, responda num tom metade deboche, metade enfado “É só mais um dia como outro qualquer“.

12 comentários em “Sexta-feira 13”

  1. Eu curto sexta-feira 13. Nada muito supersticioso, mas pelo lance da brincadeira mesmo. Hoje, por exemplo, reservei o primeiro Sexta-Feira 13 só para relaxar.

    Eu tenho um lance complicado com filmes de terror, por que adoro e depois não consigo dormir. Sou impressionável.

    Agora, em “quarta, aquele dia bizarro em que você já está de saco cheio da semana mas sabe que está só na metade do caminho.” foi a melhor definição que já ouvi para um dia da semana. 😆

  2. É bem por aí =] Sabe que eu acho que não lembro do primeiro sexta-feira 13? Depois preciso dar uma conferida nas minhas listas se eu assisti ou não.

    O pior é que eu sei que nem vou ver nada de terror hoje, porque estou louca para continuar assistindo Roma =S

    (E seu blog novo está supimpa ^^)

  3. Putz… vale sexta-feira 13 no Peru? Bem, até agora está tudo ok por aqui..ninguém deve ter se tocado que é sexta-feira 13. Será que todos aqui são iguais a sua amiga? Ela era peruana? 😛
    Hummm é por essas e outras que fico chateado por vc e o Fábio não morarem em São Paulo ou eu e a Ester não morarmos em Curitiba… iriamos nos divertir muito com filmes de terror e histórias…. sei várias…fui criado ouvindo meus avós contarem pra mim…. tem uma da mãe com os três filhos… 👿

  4. Primula on 13 July, 2007 at 4:57 pm said:

    eu gosto dos binômios de newton

    1
    11
    121
    12321
    etc.

    sobre o 121 = 11×11 adicionando mais um 1, vira 122 que foi o número da comanda do restaurante hoje. :dente:

    Eu tenho uma vaga lembrança de um professor de matemática falando sobre isso, juro. eles ensinam binômio de newton na escola, né? 😮

    Menegroth on 13 July, 2007 at 6:26 pm said:

    Putz… vale sexta-feira 13 no Peru? Bem, até agora está tudo ok por aqui..ninguém deve ter se tocado que é sexta-feira 13. Será que todos aqui são iguais a sua amiga? Ela era peruana? 😛
    Hummm é por essas e outras que fico chateado por vc e o Fábio não morarem em São Paulo ou eu e a Ester não morarmos em Curitiba… iriamos nos divertir muito com filmes de terror e histórias…. sei várias…fui criado ouvindo meus avós contarem pra mim…. tem uma da mãe com os três filhos… 👿

    Pode contar a história que agora fiquei curiosa :mrpurple:
    E veja bem, vocês estão devendo uma visita aqui em Curitiba ainda, aí dá para ver uns filmes e contar umas histórias, mesmo que não sejam muitas já vale =]

    Luciano on 13 July, 2007 at 6:28 pm said:

    Hoje é sexta feira, 13 de julho.
    Dia mundial do rock também.
    O esquema é ouvir Misfits e Alice Cooper, hahahaha 😛

    Ouch, pior que ouvi na rádio hoje e esqueci de comentar. Deveria ser o número 5 do top5, ouvir Rock ,,/

  5. Pobre do Mene. Aqui tem uma rádio da UNISINOS que SÓ TOCA ROCK. :nana:

    Para um dia de azar, até que eu dei sorte. Descobri um monte de plugins para o meu blog e consegui refazê-lo do zero, praticamente. Meu único azar foram algumas trancadas no computador.

    Mas você tá certa: o que vale é o clima da ocasião.

  6. Mas que ótima idéia! Perfeita! Vou adotar a idéia de número 5, mas com uma certa classe e um toque de humor negro, para ver se fico um pouco menos sem graça.
    Tens alguma idéia de como eu possa fazer isso? rs…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *