A Casa das Adagas Voadoras

É bizarro voltar para casa depois de tantos dias lá no Leandro. Parece que falta o Kado aparecendo para perguntar o que vamos fazer, o Leandro para perguntar o que vamos comer… By the way, Kado: de coração, obrigada pelo café, pela conversa e por tudo o mais ontem.

Bom, fui aproveitar a novidade da província, o Unibanco Arteplex, lugar onde passam não só os filmes do mainstream como também alguns alternativos bacanas. No caso, fui assistir com o Lê, Kado e LuPippin (siiiiiim, ela estava aqui ^^) A Casa das Adagas Voadoras, que com certeza será indicado ao Oscar de filme estrangeiro.

O filme é simplesmente lindo, como todos os filmes orientais que tenho assistido recentemente. Só achei que a história é um pouco fraca e em alguns momentos até meio confusa. Mas no todo é filmão, com toda certeza. A cena da dança bem como as de luta são de encher os olhos.

Mas já que a comparação é inevitável, Hero é mil vezes melhor. Se bem que chega a ser injusto comparar Hero com qualquer outro filme, hehe… Para quem quiser dar uma olhadela, tem trailer aqui.

Legal que acabei de ler que a data oficial de estréia aqui no Brasil é fevereiro de 2005, hohoho. Gostei desse Unibanco Arteplex.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.